25 mil famílias das 100 mil previstas receberam cartão auxílio do governo do Amazonas

25 mil famílias das 100 mil previstas receberam cartão auxílio do governo do Amazonas
Benefícios foram entregues nos municípios de Maraã e Japurá, no Amazonas — Foto: Divulgação

O governo do Amazonas informou que 25 mil famílias receberam o cartão auxílio até este sábado (20). No início de fevereiro, quando o benefício começou a ser pago, o governador Wilson Lima anunciou que 100 mil famílias em situação de vulnerabilidade receberiam o benefício de R$ 600, divididos em três parcelas.

  • A previsão era de que a primeira parcela fosse paga no início de fevereiro.
  • A segunda parcela deveria ser paga também em fevereiro, no fim do mês.
  • A terceira parcela seria entregue em março.

Durante a divulgação do pagamento do benefício, o governo não estabeleceu datas específicas sobre o pagamento das parcelas, informando que seria no início do mês. Em 20 dias, apenas um quarto dos pagamentos previstos foram realizados.

G1 questionou o governo sobre o prazo do pagamento para as outras 75 mil famílias que deveriam receber o benefício ainda em fevereiro e se há alguma alteração nos prazos dos pagamentos de quem já recebeu a primeira parcela.

Em nota, o governo respondeu que “o trabalho segue ocorrendo nos municípios do interior do Estado, tanto nas zonas urbanas, quanto nas zonas rurais, o que pode fazer com que a entrega leve mais tempo em algumas localidades”. Ainda no texto, informa que “sobre o pagamento da segunda parcela do benefício, não haverá atraso, uma vez que o valor é creditado automaticamente no cartão. As pessoas que ainda vão receber os cartões já receberão com os créditos correspondentes às duas parcelas”. O texto afirma que o trabalho continuará até que todos os beneficiados sejam atendidos.

Neste sábado, o cartão auxílio foi entregue a famílias dos municípios de Maraã e Japurá, distantes respectivamente 634 e 744 quilômetros da capital amazonense, segundo informações do governo. A expectativa é de que aproximadamente 1,8 mil famílias nas duas localidades sejam contempladas com o benefício.

Tanto na capital quanto no interior, a entrega é feita em domicílio, para evitar expor as pessoas a qualquer risco de contaminação por Covid-19.

O cartão auxílio pode ser usado somente para a compra de alimentos e comidas, em estabelecimentos determinados.


Fonte: G1 Amazonas.

Deixe uma resposta