Mutirão de atendimento do Detran em Novo Airão, interior do Amazonas atende mais de cem pessoas

You are currently viewing Mutirão de atendimento do Detran em Novo Airão, interior do Amazonas atende mais de cem pessoas
Mutirão de atendimento do Detran em Novo Airão, interior do Amazonas atende mais de cem pessoas 1
Foto: Divulgação/Detran-AM

Manaus/AM – Encerrou neste sábado (12/02) o atendimento do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) no município de Novo Airão (a 115 quilômetros de Manaus). Mais de cem pessoas foram atendidas com serviços que não eram realizados na cidade. A ação começou na quarta-feira (09/02) e foi uma iniciativa do Programa Justiça Itinerante, do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM).

De quarta até esta sexta-feira (11/02), as equipes do Detran montaram uma estrutura no anfiteatro da Praça Municipal da cidade, onde realizaram 88 serviços nas áreas de habilitação e de veículos. Alguns, como o de primeira habilitação ou renovação de CNH, só eram realizados na cidade de Manacapuru, distante 100 quilômetros de Novo Airão.

Para a agente de endemias Débora Souza, de 46 anos, o mutirão foi uma grande facilidade. Ela queria dar início ao processo de habilitação e já estava preparada para viajar a Manacapuru, mas descobriu que o serviço estava sendo realizado em Novo Airão. “Eu procurei o Detran pra ver a situação do veículo do meu esposo, quando fiquei sabendo que eu também poderia dar início ao processo pra tirar minha habilitação. Eu aproveitei”, comemorou.

Quem também aproveitou a realização de um serviço que não era realizado na cidade foi o marceneiro Amoz Soares da Silva, de 36 anos. A CNH dele estava vencida e, assim como a Débora, ele iria precisar se deslocar até Manacapuru para fazer a renovação de sua habilitação. “Foi ótimo essa vinda de vocês para cá, porque eu já economizei o dinheiro para fazer essa viagem”, afirmou.

Enquanto os pais realizavam os serviços, os filhos eram atendidos pela equipe de educação do Detran Amazonas, que montou uma estrutura com jogos educativos e uma área para desenho. 

Mutirão de atendimento do Detran em Novo Airão, interior do Amazonas atende mais de cem pessoas 2
Foto: Divulgação/Detran-AM

CNH Social

No sábado, o Detran iniciou o atendimento médico e psicológico dos candidatos selecionados no projeto “CNH Social” no município. Desde as 8h, os 26 selecionados, que passaram pela fase de entrega da documentação, iniciaram os exames com a clínica médica.  Os candidatos que forem classificados como aptos, seguem para a fase de aulas teóricas.

Os exames médicos e psicológicos também foram realizados neste sábado em outros seis municípios, dos 14 contemplados nessa segunda fase do projeto “CNH Social”. Foram eles Autazes (distante 113 quilômetros da capital) , Careiro Castanho (a 88 quilômetros de Manaus), Iranduba, Itapiranga (a 227 quilômetros de Manaus),  Manacapuru, e Silves  (distante 204 quilômetros da capital).

Mutirão de atendimento do Detran em Novo Airão, interior do Amazonas atende mais de cem pessoas 3
Foto: Divulgação/Detran-AM

Motociclista Legal

Nesta sexta-feira, o Detran também realizou, em Novo Airão, o reteste dos mototaxistas que não conseguiram ser aprovados na primeira vez nos cursos de especialização e de atualização para mototaxista. Vinte e seis profissionais realizaram o curso, sendo que oito foram aprovados e 18 precisaram fazer o reteste.

Em Novo Airão, existem 280 profissionais atuando na cidade, segundo dados do Sindicato dos Mototaxistas do município. Todos estão ansiosos para participarem do projeto “Motociclista Legal” e obterem a gratuidade nos cursos.

 “Se a gente não tivesse a ajuda do Governo do Estado, a gente não conseguiria fazer esses cursos, que é muito importante para nossa categoria”, afirmou o presidente do Sindicato dos Mototaxistas de Novo Airão, Edgar Dias do Nascimento, de 42 anos.

Na cidade há muitos profissionais que atuam nas ruas sem ter nem carteira de habilitação. Essa é uma realidade no interior do Estado. E é justamente sanar esse problema, um dos objetivos do Programa Detran Cidadão que, com o projeto “CNH Social”. 

A mototaxista não habilitada Regiane Nogueira de Almeida, de 28 anos, trabalha há dois anos nas ruas de Novo Airão. Ela é mãe de três filhos e ajuda a manter uma casa com seis pessoas. Só ela trabalha. A opção de comprar uma moto, mesmo não sendo habilitada, e ir para as ruas e trabalhar como mototaxista, foi a opção para não passar fome. Agora, ela espera ansiosa pela nova lista de contemplados no “CNH Social”. “Não vejo a hora de ver meu nome nessa segunda lista. Eu quero tirar minha habilitação e depois fazer o curso de mototaxista para poder trabalhar toda certinha e continuar a dar o sustento pra minha família”, revelou.

“Isso é muito gratificante, porque o Programa Detran Cidadão, idealizado e lançado pelo governador Wilson Lima, tem esse objetivo, de atender aquelas pessoas que mais precisam, trazer políticas públicas de trânsito efetiva e que transformem a vida das pessoas”, destacou o diretor-presidente do Detran-AM, Rodrigo de Sá, que esteve em Novo Airão, nesta sexta-feira.

Com informações Detran/AM

Deixe uma resposta