Acidentes de trabalho no Amazonas registram morte de mais de 140 trabalhadores

Acidentes de trabalho no Amazonas registram morte de mais de 140 trabalhadores

Manaus teve 31.436 comunicações de acidente de trabalho desde 2012. Dados são do Ministério Público do Trabalho (MPT).

os últimos seis anos, 149 trabalhadores morreram em acidentes de trabalho no Amazonas. Somente em 2017 foram registrados 16 óbitos de pessoas em postos de trabalho no estado. Mais de 31 mil comunicações de acidentes de trabalho foram registradas em Manaus entre 2012 e 2017. Os dados são do Smartlab de Trabalho Decente, que é um laboratório multidisciplinar desenvolvido pelo Ministério Público do Trabalho (MPT) e a Organização Internacional do Trabalho (OIT).

Segundo a plataforma de monitoramento, 31.436 comunicações feitas de acidente de trabalho em Manaus nos seis anos últimos anos. Os cortes, laceração, ferida contusa, punctura (furo ou picada) totalizam 8.132 casos no período. Enquanto isso, contusão e esmagamento (superfície cutânea) soma 5.020 casos. Outros 3.637 casos de fraturas em acidentes de trabalho ocorreram na capital.

10 Setores Econômicos com mais acidentes de trabalho no AM

Atividade Econômica Nº de acidentes
Fabricação de aparelhos de recepção, reprodução, gravação e amplificação de áudio e vídeo 2.278
Fabricação de motocicletas 2.082
Transporte rodoviário coletivo de passageiros, com itinerário fixo, municipal e em região metropolitana 1.605
Transporte rodoviário de carga 1.322
Construção de edifícios 1.200
Fabricação de artefatos de material plástico não especificados anteriormente 1.195
Atividades de atendimento hospitalar 1.069
Comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios – hipermercados e supermercados 746
Transporte por navegação interior de carga 745
Fabricação de refrigerantes e de outras bebidas não-alcoólicas 712

Na capital, as atividades econômicas mais frequentemente envolvidas em acidentes de trabalho são: fabricação de aparelhos de recepção, reprodução, gravação e amplificação de áudio e vídeo (2.277 acidentes), fabricação de motocicletas (2.078 acidentes), transporte rodoviário coletivo de passageiros, com itinerário fixo, municipal e em região metropolitana (1.603 acidentes). Foram 114 ocorrências envolvendo menores de 18 anos.

Fonte: G1 Amazona
Foto: Internet

Deixe uma resposta