’27/05/2019’

Vídeo flagra ex-paquita se cortando minutos antes de acusar o ex-marido de agressão

Vídeo flagra ex-paquita se cortando minutos antes de acusar o ex-marido de agressão

A ex-paquita Ana Paula Pituxita, que havia acusado o ex-marido de agressão no início de abril, aparece cortando os próprios braços em um vídeo divulgado nesta segunda-feira (13). As imagens foram gravadas minutos antes de a mulher ir até a delegacia denunciar José Roberto Barbosa. Ela ganhou uma medida protetiva contra o ex, na Justiça e, com isso, o homem foi expulso da própria casa.

Gravado por câmeras de segurança do condomínio onde o casal morava, o vídeo foi divulgado pela coluna de Léo Dias. As imagens mostram a mulher pegando um objeto no chão e se cortando três vezes antes de ir até a delegacia. A ex-paquita machucou, propositalmente, o antebraço esquerdo, outra parte do mesmo braço e a mão direita.

As imagens estão anexadas ao processo de defesa de Roberto por conta das acusações de agressão da ex-mulher. O local onde as imagens foram gravadas coincide com o lugar onde a ex-paquita gravou um vídeo acusando o marido em suas redes sociais. Além disso, ela estava com as mesmas roupas do vídeo divulgado.

O ex-marido de Pituxita não tem o direito de se pronunciar, já que a medida protetiva também o proíbe de falar o nome dela.

Em entrevista ao blog de Léo Dias, a ex-paquita confessa e diz que estava em um momento de muita raiva.

“Estava me limpando, sentindo dor no pescoço. Não sabia onde tinha me machucado. Estava me segurando e comecei a me machucar mesmo, estava com raiva do que ele estava fazendo. Ele iria continuar tentando tirar meu filho. Aí eu errei, estava com muito ódio. Não vou falar que eu estava certa. Eu ampliei e acabei fazendo isso, foi isso, ampliei”, disse.

“Ele começou me agredindo, me jogou longe, rasgou minha boca, me jogou em cima de uma pilha de tijolos e rasgou minha mão. Aí ele saiu com o carro debochando. Não tenho medo nenhum de julgamento da imprensa, por isso eu ampliei o que houve”, explicou. De acordo com ela, o resto da história se trata de segredo de Justiça.

Pituxita acusou ex-marido de agressão em abril

A ex-paquita afirmou, no dia 16 de abril, que teria sido agredida pelo ex-marido. De acordo com ela, as agressões teriam sido praticadas na casa dos dois, no Recreio dos Bandeirantes, no Rio de Janeiro.

A mulher disse ter descoberto uma traição após olhar o celular do ex-marido. Ela ainda afirmou que sofreu agressões ao longo do casamento e, com medo delas se repetirem, teria tentado filmá-lo. Porém, o homem teria a empurrado no chão para pegar o celular.

Através de seu Instagram, fez diversos vídeos mostrando as lesões sofridas e fazendo um alerta para as mulheres. Assista:

 

Deixe uma resposta