Primeiro encontro de bronzeadoras do Norte será em hotel de selva, em Manaus

Primeiro encontro de bronzeadoras do Norte será em hotel de selva, em Manaus

O encontro trará fabricantes de produtos e especialistas de mercado e da saúde para falar de prospecções ao setor

O primeiro congresso para profissionais de bronzeamento da região Norte será no próximo segundo semestre, sediado em um hotel de selva na capital amazonense. A temática do evento, para as organizadoras, não poderia ser outra. Intitulado “Evento de Bronzeadores da Selva (EBS)”, a proposta é reunir empresas, empreendedores, dermatologistas e simpatizantes de todo o País para um networking das novidades, curiosidades e prospecções do mercado do bronze natural e artificial.

A ideia é formalizar o mercado já abrangente em Manaus, embora pouco reconhecido, segundo uma das idealizadoras, Márcia Xavier. Empresas fabricantes de produtos, executivos de outros Estados e especialistas da saúde serão parte dos presentes. Além de suscitar temas como biossegurança, ética de trabalho, últimas técnicas de bronzeamento em climas úmidos e primeiros socorros, por exemplo, as belezas nativas da floresta amazônica darão a tônica especial do encontro.

“Estamos planejando um passeio pelos arredores da cidade, para encorpar mais o encontro”, falou Anne Rocha, bronzeadora há nove anos em Manaus. O lugar já reservado para o evento nos dias 8 e 9 de outubro é o hotel da Margem, localizado no bairro Tarumã-Açu, de frente ao rio Negro.
A programação contará com dois pacotes de inscrição aos participantes. O ouro dará café da manhã, almoço e brunch aos convidados, incluindo acomodação nos apartamentos do hotel. Já o prata dará refeições ao longo do dia sem a hospedagem. O local do congresso, de fácil acesso a ônibus e carros alocados em aplicativos de transporte, servirão para quem quiser voltar para casa no mesmo dia.

Cases de sucesso local também serão destaque na programação. A parintinense Tawani Martins ficou conhecida pelas suas fitas de bronze decoradas. Com cores e desenhos que lembram a flora típica da terra, ela irá ajudar a vestir o time de modelos que irá recepcionar os convidados. Outra empreendedora que vai contar sua história é a Lenires Santana, proprietária do Lelê Bronze.

De um projeto tímido para atender 18 clientes no quintal de casa, ela deu um salto para receber em média 70 clientes por dia com um faturamento que chega a R$ 10 mil por semana. “Sempre gostei de me bronzear, mas não via conforto nos atendimentos que fiz. Decidi largar o emprego de industriária no Distrito e investir nesse ramo como empresária. Após dez anos, consegui me estabelecer e dar espaço ao meu nome”, relatou.

O diferencial do negócio, ainda segundo ela, é o trato especial com a autoestima das clientes. “Não lido com padrões de beleza, mas com empoderamento. A maioria das minhas clientes são plus size”, completou. Pesquisas médicas sobre a relevância da cama bronzeadora no tratamento de vitiligo e psoríase, com mitos e verdades, também serão abordadas. Para mais informações e inscrições, os números 9 8223- 3238, 9 8833-2849, 9 9289-9550 estão disponíveis.

Deixe uma resposta