Cientista diz quais os fatores mais importantes para saber a quantidade de sofrimento que ainda teremos pela frente, com a pandemia

Cientista diz quais os fatores mais importantes para saber a quantidade de sofrimento que ainda teremos pela frente, com a pandemia
Foto: reprodução.

Fernando Reinach, doutor em biologia celular e molecular, escreveu no Estadão que a “tarefa mais importante” no momento é descobrir a eficácia da Coronavac contra as cepas de Manaus, da África do Sul e da Inglaterra.
“Sem esse dado podemos estar vacinando regiões do Brasil com uma vacina que não tem eficácia (é o caso de Manaus e de outras regiões onde a nova cepa está se espalhando).

“Em resumo – disse ele – a quantidade de sofrimento que ainda nos será imposta pelo coronavírus depende de como a sociedade vai conseguir coordenar esses três fatores: quantidade de vacina, velocidade de vacinação e monitoramento e substituição das que deixarem de ser eficazes”.

Protesto do comércio

Diversas mensagens começaram a ser fixadas em placas de outdoor nesse final de semana em Manaus com a mensagem: “Saúde Sim, Trabalho Também! Reabertura com Segurança Já. É assinado por @trabalhardebem, até então um grupo desconhecido. Nas redes sociais, houve também movimentação de pessoas pregando a volta imediata das atividades comerciais.

Decreto do governo

O decreto do governo que está em vigor até o dia 14, flexibilizou a circulação entre 19h e 6h da manhã e definiu que o comércio funcionará apenas para vendas por meio eletrônico – de 8h às 17h.

Vacinação todo dia

O vereador Amom Mandel quer que a Prefeitura de Manaus mantenha vacinação aos domingos. Ele enviou documento à prefeitura, propondo também que o horário atual de vacinação também seja ampliado. A vacinação está sendo feita de segunda a sábado das 9 às 16hs.

Amazonas recebe mais 96,2 mil doses

O Amazonas recebe neste domingo (07) mais 96,2 mil doses da vacina do Instituto Butantan. Do total de doses destinadas ao Amazonas, 45.830 fazem parte do Plano de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19, proporcional a todos os estados. Outras 39.720 são do Fundo Estratégico criado com 5% do total de vacinas, usado para atender os casos prioritários mais graves da pandemia.

Total de vacinas

Além das 96,2 mil que chegarão neste domingo, o Amazonas havia recebido 132,5 mil doses de vacina AstraZeneca e 322 mil doses de Coronavac, em duas etapas. Até sábado (6) o Estado havia vacinado 111.282 pessoas.

Entidades comerciais reagem ao isolamento

O presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Amazonas, Ezra Azury, qualificou de “tímidas” as medidas anunciadas pelo governo. O presidente da Associação Comercial do Amazonas, Jorge de Souza Lima disse que o novo decreto não atende as expectativas do setor. O presidente da Federação do Comércio, Aderson Frota também reclamou da medida.

Pacientes esperam leitos

A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas informou que até sábado (6) 535 pacientes da covid aguardavam por leitos públicos e privados em Manaus e no interior. Até sábado estavam internados 1.940 pacientes em hospitais públicos e privados do estado.

Lixo sob suspeita

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM) confirmou que recebeu um dossiê detalhado sobre as contratações de empresas de coleta de lixo, por diversas prefeituras do interior do Estado. As denúncias foram encaminhadas para a Secex (Secretaria de Controle Interno) que esta semana se debruça sobre a papelada.

————

Fonte: Portal Único.

Deixe uma resposta