Milan empata pela Liga Europa em jogo com dois pênaltis, gol contra e herói nos acréscimos

Milan empata pela Liga Europa em jogo com dois pênaltis, gol contra e herói nos acréscimos
Theo Hernandez marcou o segundo gol do Milan, de pênalti, contra o Estrela Vermelha — Foto: Reuters

Milan e Estrela Vermelha empataram por 2 a 2 na tarde desta quinta-feira, no jogo de ida da segunda fase da Liga Europa – a que antecede as oitavas de final. Movimentado do início ao fim, o confronto contou com um gol heroico do clube sérvio já nos acréscimos do segundo tempo. Uma observação importante é que o Milan poupou a maior parte de seus titulares na partida, realizada em Belgrado, na Sérvia, de olho no jogo contra a Inter de Milão no próximo domingo, que vale a liderança do Campeonato Italiano.

O primeiro tempo foi bem aberto, com chances de gol para ambos os lados. Enquanto o Estrela Vermelha foi barrado pelo goleiro Donnarumma, o Milan precisou marcar três vezes para conseguir um gol, já que os dois primeiros foram anulados, um por impedimento e outro por toque de mão averiguado no VAR.

Na terceira oportunidade, aos 42 minutos, Castillejo cruzou rasteiro e o zagueiro Pankov protagonizou um lance para esquecer: deu um carrinho na tentativa de cortar o passe e desviou a bola contra a própria meta. Gol do Milan.

Na segunda etapa, a equipe do Estrela Vermelha começou melhor e pressionou pelo empate. O esforço teve recompensa logo aos 5 minutos, quando Falcinelli tentou um chute a gol e a bola desviou no braço do zagueiro italiano Romagnoli. Pênalti que Kanga converteu para os mandantes, 1 a 1 no placar.

O Milan tomaria a frente novamente em outra penalidade, numa falta cometida pelo zagueiro Pankov, o mesmo do gol contra. Theo Hernandez cobrou no canto direito do goleiro e por muito pouco não deu números finais ao jogo.

“Muito pouco” porque, aos 93 minutos, a igualdade surgiu mais uma vez. Pavkov, que saiu do banco de reservas, subiu na primeira trave e desviou uma cobrança de escanteio para o fundo do gol. O segundo empate ainda teve um caráter heroico: pouco antes, com 13 minutos para acabar o jogo, o Estrela Vermelha teve o meia Rodic expulso por um segundo amarelo e ficou com um jogador a menos.

Com o resultado, o Milan pode jogar por um empate de 0 a 0 ou 1 a 1 no jogo de volta para se classificar, de acordo com o critério do gol qualificado. Já o Estrela Vermelha precisa vencer ou contar com um empate acima de três gols. A partida está marcada para a próxima quinta-feira, em Milão.

Também pela segunda fase da Liga Europa, a Roma bateu o Braga fora de casa por 2 a 0, o Olympiacos recebeu e venceu o PSV por 4 a 2, e o Krasnodar foi superado em casa pelo Dínamo de Zagreb por 3 a 2.

Fonte: GE

Deixe uma resposta