Matrículas 2022: alunos que perderam prazos já podem fazer matrícula e transferência na rede pública

You are currently viewing Matrículas 2022: alunos que perderam prazos já podem fazer matrícula e transferência na rede pública
Matrículas 2022: alunos que perderam prazos já podem fazer matrícula e transferência na rede pública 1
Foto: Eduardo Cavalcante/Seduc-AM

Manaus/AM – Pais e responsáveis que perderam o prazo para matricular novos alunos na rede estadual de educação ou fazer transferências poderão realizar a reserva de vagas a partir desta quarta-feira (19/01). O atendimento aos estudantes retardatários será contínuo para todas as modalidades de ensino, de acordo com a disponibilidade de vagas nas unidades escolares.

Para esse público, o atendimento também será via site matriculas.am.gov.br  ou em qualquer escola da Secretaria de Estado de Educação e Desporto e da rede municipal. A prioridade é atingir aqueles alunos que perderam todos os prazos, tanto nos casos de matrícula quanto nos casos de transferência.

Matrículas 2022: alunos que perderam prazos já podem fazer matrícula e transferência na rede pública 2
Foto: Eduardo Cavalcante/Seduc-AM

Após a reserva de vaga, será dado o prazo de três dias úteis, a contar da data em que foi realizada a solicitação, para apresentação da documentação de maneira presencial, conforme orientações que estarão especificadas no site de matrículas.


A secretária estadual de Educação e Desporto, Kuka Chaves, explica que o atendimento vai ocorrer até o preenchimento de todas as vagas.

“Há casos de pais ou responsáveis que, por algum motivo, não conseguiram realizar a matrícula do aluno no período estipulado no Calendário de Matrículas, e agora vão poder ser atendidos, de acordo com a disponibilidade de vagas nas escolas e nas modalidades de ensino. O mesmo ocorre para quem perdeu o prazo de transferência. A partir desta quarta, as solicitações podem ser feitas em qualquer período”, detalha a secretária.

Os documentos solicitados para matrícula são:

• comprovante de escolaridade original;

• guia de transferência (caso o candidato venha da rede particular, federal, de outro estado ou da rede municipal do interior do estado);

• histórico escolar ou declaração de transferência com validade de 30 dias;

• certidão de nascimento (original e cópia);

• CPF e RG (original e cópia) do responsável pelo aluno menor de 18 anos;

• comprovante de residência (cópia do último mês que anteceder a matrícula);

• cartão de vacinação (cópia); e

• duas fotos 3×4 recentes do aluno e documento de identificação com foto (original e cópia) do responsável pela matrícula.

Com informações Seduc

Deixe uma resposta