Sindicato dos Rodoviários sinaliza nova greve em Manaus

Sindicato dos Rodoviários sinaliza nova greve em Manaus

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Coletivo, Urbano e Rodoviário (STTRM) Givancir Oliveira, informou em um vídeo divulgado na terça-feira (11), que a categoria não foi recebida para uma reunião marcada com o prefeito de Manaus, Arthur Neto, para tratar a respeito do pagamento do 13º salário, e que por isso sinalizou uma nova greve dos rodoviários em Manaus.

Givancir disse que não houve conversa, e que o pagamento do 13º marcado para esta terça não aconteceu. “Quem marcou essa reunião foi o Carijó (Luiz Alberto, Secretário de Articulação Política do Município). Não houve conversa, e o pagamento que sairia hoje não aconteceu. podendo causar uma possível greve geral nos próximos dias”, disse.

O presidente do sindicado disse ainda que representantes do Sinetram informaram que não tem dinheiro suficiente para efetuar o pagamento. “O Sinetram está recebendo da Prefeitura uns R$ 7 milhões, e agora querem mais R$ 20 milhões para pagar o 13º salário. Deve ter algum critério para liberar esse dinheiro, um dinheiro que é público. Não afirmo nada, mas é possível que ocorra uma greve geral nos próximos dias”.

O subsecretario da Secretaria Municipal de Comunicação (Semcom) Eric Gamboa, afirmou que a reunião em questão havia sido marcada somente com Gilvancir e Carijó. O Sinetram informou que desconhece que alguma reunião estivesse sido marcada para hoje.

Texto: Paulo Henrique Caminha

Deixe uma resposta